Caso não consiga visualizar esta newsletter, entre aqui .
 
n° 250   02 Maio 2016
 
 
Siga-nos e partilhe a sua opinião no Facebook
 
 
 
Mês da População
 
Nascer em Portugal
 
Temos menos filhos e cada vez mais tarde. Porquê?
 
 
Compreender os nossos comportamentos face a ter ou não ter filhos é um assunto vasto e complexo, que agora conhece uma nova forma, adaptada às novas formas de comunicação. Uma plataforma digital e interactiva, responsive, pensada para todos: homens e mulheres, mais ou menos novos, com ou sem filhos. Reportagens, realizadas pela TVI 24, parceira neste projecto, transportam o leitor para o campo da investigação jornalística sobre o tema. Por outro lado, através de entrevistas e testemunhos é revelada uma perspectiva das escolhas e expectativas de pessoas reais. Gráficos dinâmicos e mapas complementam os textos permitindo uma viagem pelos números da natalidade.
 
 
 
"O tempo de família é cada vez mais reduzido. Eu acredito que isso influencie muito a tomada de decisão quando as pessoas planeiam ter filhos"
 
 
Partindo dos resultados do Inquérito à Fecundidade 2013, realizado no âmbito de uma parceria entre a Fundação e o INE, das estatísticas oficiais conhecidas e do estudo “Determinantes da Fecundidade em Portugal”, Nascer em Portugal não deixará ninguém indiferente e é uma referência essencial para quem quiser saber mais sobre os porquês de ter ou não ter filhos em Portugal.
 
 
 
Em Destaque
 
 
Mês da População
 
Ter filhos é boa política?
 
Primeiro debate do Mês
 
6 maio / 15h00
Lisboa, NOVA Medical School
 
O ciclo de debates é inaugurado já esta 6ªfeira, com uma discussão dedicada às políticas públicas quando estão em causa decisões íntimas, como a decisão de ter filhos.

Qual deverá ser o papel dos partidos políticos? A lei deve proteger mais a família ou o indivíduo?

Junte-se ao debate com os deputados Nilza de Sena, Sónia Fertuzinhos, José Soeiro, Rita Rato e Filipe Lobo d'Ávila. Com moderação de Ricardo Costa.
 
 
 
Já conhece...
 
O Blog da Fundação? Faça uma visita e descubra as novidades.
 
 
 
 
Redes sociais
 
Acompanhe a actividade da Fundação no Facebook, Twitter, Youtube, Linkedin e conheça o Canal da Fundação na MEO (nº 505050) ou online.
 
 
A Fundação Francisco Manuel dos Santos tem uma política muito restrita sobre o envio de e-mails, não o fazendo em circunstância alguma sem a autorização do seu destinatário.
Caso deseje deixar de receber mensagens desta natureza, entre aqui para que o seu contacto seja retirado da respectiva lista. Muito obrigado.

© Copyright 2016 Fundaçao Francisco Manuel dos Santos. Todos os direitos reservados.